Carregando…

Ansiedade no dia a dia



Muitos clientes chegam à clínica de psicologia com queixas de ansiedade relatando que a mesma tem produzido sensações desagradáveis em suas vidas. Tais relatos referem-se a eventos internos e descrição de situação as quais o cliente não sabe lidar. Ansiedade é um estado emocional normal e útil ao ser humano dentro de certos limites, uma vez que constitui um valioso recurso adaptativo e incita a pessoa a se esforçar, a desempenhar sua função de melhor forma possível e evitar situações de risco. Porém, quando se sente mais ansiedade do que o necessário, atrapalha a vida do indivíduo, impedindo que este faça o que gostaria ou precisaria fazer. Neste caso, começa a haver alterações no funcionamento saudável nas várias vertentes da vida como, por exemplo, prejuízos acadêmicos, sociais ou profissionais. Isso ocorre devido ao sentimento de medo que tem como função preparar o organismo para situações de ameaça ou perigo. Nesta condição, pode-se observar um conjunto alterações fisiológicas e comportamentais – tais como sudorese, taquicardia, respiração ofegante, tontura, aumento da pressão arterial, dificuldade de concentração, acompanhado de choro, tremedeira e pensamentos específicos. É necessário que haja uma avaliação cuidadosa e individualizada do impacto desses sintomas na vida do cliente de forma geral. Deste modo, o tratamento deve conjugar o uso de medicamento com a psicoterapia, de forma a promover melhores condições de saúde ao cliente, engajamento a terapia e obtenção de excelentes resultados.

 


0 Comentário(s)

Ainda não há comentários para este Post =/

Deixe um comentário:

Informe seu nome!

Seu comentário foi enviado para a moderação!